POSICIONAMENTO DE DEPUTADOS PARA O SENADO: por que muitos ainda estão indefinidos?

A 6 meses das eleições de outubro, a busca por apoios de lideranças que possam somar e angariar votos já é uma realidade quando o assunto é a disputa pelo Senado, na Paraíba. Mesmo que as chapas ainda estejam em formação, os pré-candidatos já colecionam cabos eleitorais, inclusive, na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), que conta com 36 deputados estaduais.

Os entendimentos na busca por esses apoios ocorrem a partir de arranjos em bases eleitorais, afinidades políticas e outras variáveis partidárias. De acordo com um levantamento feito pela reportagem do Polêmica Paraíba, pelo menos 27 dos 36 parlamentares do legislativo estadual já decidiram em quem votar para o Senado. Outros, porém, seguem indefinidos ou não divulgaram publicamente suas posições.

Estão colocados na disputa os nomes dos pré-candidatos Aguinaldo Ribeiro (PP), Bruno Roberto (PL), Efraim Filho (União), Rangel Júnior (PC do B), Ricardo Coutinho (PT), Sérgio Queiroz (PRTB) e Alexandre Soares (PSOL). Desses, somente os dois últimos não contam com apoios declarados no âmbito do legislativo estadual.

Os pré-candidatos que polarizam a pré-campanha eleitoral, Aguinaldo Ribeiro e Efraim Filho, aparecem no topo de apoios declarados na Assembleia, com 9 parlamentares cada. Em seguida, surge Bruno Roberto, com 4 apoios. O ex-governador Ricardo Coutinho tem 3 votos declarados, enquanto Rangel Júnior conta com 2 deputados simpatizantes à sua pré-candidatura.

Número de indecisos chama atenção

O deputado Aguinaldo Ribeiro tende a ser confirmado, a preço de hoje, o candidato a senador na chapa do governador João Azevêdo (PSB), mas ainda aguarda definições dentro da base aliada para selar essa postulação e dar um passo adiante na busca por novos apoios.

O deputado Efraim Filho, por sua vez, colocou a pré-candidatura na pista ainda no ano passado, tendo rompido com o governador no mês de março, após o que entendeu como ‘indefinição’ governista. O parlamentar conta com o apoio do partido Republicanos para a disputa, que compõe a base aliada do governo estadual.

Apesar dos apoios já consumados, um número considerável de deputados ainda não anunciou em quem pretende votar para o Senado, alegando cautela com as definições na base governista, hierarquia política ou mesmo reflexão sobre o cenário eleitoral.

Ao Polêmica Paraíba, pelo menos dois desses parlamentares afirmaram que votarão no candidato escolhido pelo governador, e preferem que o chefe do Poder Executivo, primeiro, tome sua decisão. Outros sinalizaram em quem vão votar, mas preferem aguardar ‘o momento certo’ para o anúncio, com as definições de seus partidos.

Ademais, alegam que ainda estamos no mês de abril, quando os pré-candidatos ainda estão na fase de construção de apoios, onde as postulações ainda estão sendo construídas. Com o avanço do calendário político-eleitoral, no entanto, será inevitável aguardar por muito mais tempo o anúncio desses apoios. Pelo menos 11 parlamentares, incluindo os deputados com licença do mandato, estão nessa situação.

Confira, a seguir, o panorama de apoios na Assembleia Legislativa da Paraíba

Apoios estimados para Efraim Filho (União)

Adriano Galdino (Republicanos)

Buba Germano (PSB)

Camila Toscano (PSDB)

Doda de Tião (PTB)

Taciano Diniz (União)

Júnior Araújo (PSB)

Jutay Meneses (Republicanos)

Ricardo Barbosa (PSB)

Tovar Correia Lima (PSDB)

Apoios estimados para Aguinaldo Ribeiro

Dra Jane Panta (PP)

Dra Paula (PP)

Edmilson Soares (Podemos)

Felipe Leitão (PSD)

Galego Souza (PP)

Hervázio Bezerra (PSB)

Irmão Cézar (SD) – suplente no exercício do mandato

Eduardo Carneiro (SD) – licenciado

Tião Gomes (PSB)

Apoios estimados para Bruno Roberto (PL)

Wallber Virgolino (PL)

Caio Roberto (PL)

Cabo Gilberto (PL)

Moacir Rodrigues (PL)

Apoios estimados para Ricardo Coutinho (PT)

Estela Bezerra (PT)

Jeová Campos (PT)

Cida Ramos (PT)

Apoios estimados para Rangel Júnior (PC do B)

Anísio Maia (PSB)

Inácio Falcão (PC do B)

Estimativa de parlamentares indefinidos

Bosco Carneiro (Republicanos)

Wilson Filho (Republicanos)

Branco Mendes (Podemos)

João Gonçalves (Podemos)

Pollyana Dutra (PSB) – aguarda a definição do goverandor

Rafaela Camaraense (PSB) – suplente no exercício do mandato – aguarda a definição do governador

Chió (Rede) – deputado licenciado

Anderson Monteiro (MDB)

Erico Djan (MDB)

Manoel Ludgério (PSD)

Raniery Paulino (MDB)

Mais Lidas

Destaques

PELO SIM, PELO NÃO

DESTAQUES: Prefeito de Queimadas vai escolher entre 2 parentes o candidato da sucessão; Ana Paula deu sua versão da ‘’rachadinha’’; e Bueno Aires foi visto em Gurjão fazendo política 12 de julho de 2024 DESTAQUES: Prefeito de Queimadas vai escolher entre 2 parentes o candidato da sucessão; Ana Paula deu sua versão da ‘’rachadinha’’; e Bueno Aires foi visto em Gurjão fazendo política DESTAQUES: Veja 3 sinais de que Romero será candidato; Caso de ‘rachadinha’ estoura em Monteiro; e Sara Cabral sofre mais uma derrota na Justiça 11 de julho de 2024 DESTAQUES: Veja 3 sinais de que Romero será candidato; Caso de 'rachadinha' estoura em Monteiro; e Sara Cabral sofre mais uma derrota na Justiça Republicanos vai apoiar Jhony se o PSB fechar com Nilvan; Lucena já tem chapas definidas; e candidatura do PT em Santa Rita está mantida 10 de julho de 2024 Republicanos vai apoiar Jhony se o PSB fechar com Nilvan; Lucena já tem chapas definidas; e candidatura do PT em Santa Rita está mantida DESTAQUES: Eva Gouveia não vota em Rosália; Republicanos desiste de Romero; e Cabo Gilberto aparece ao lado Milei e Bolsonaro 9 de julho de 2024 DESTAQUES: Eva Gouveia não vota em Rosália; Republicanos desiste de Romero; e Cabo Gilberto aparece ao lado Milei e Bolsonaro DESTAQUES: Pesquisa de Santa Rita aponta para mudança de candidato; Corrinha Delfino alega que foi vítima de golpe; e Queiroga opina sobre candidatos indo em bairros controlados por traficantes 8 de julho de 2024 DESTAQUES: Pesquisa de Santa Rita aponta para mudança de candidato; Corrinha Delfino alega que foi vítima de golpe; e Queiroga opina sobre candidatos indo em bairros controlados por traficantes

Está no Hype

Go to Top