URGÊNCIA MÉDICA: 65% dos médicos da PB tem Burnout e 17% depressão; DADOS SÃO ALARMANTES

A medicina tem uma aura de status, glamour e carrega muitas imagens idealizadas, mas na prática a profissão é uma das mais estressantes e cheia de riscos para além da proximidade com agentes causadores de doenças. Ser médico pode trazer sérias consequências, como o risco cinco vezes maior de cometer suicídio. Quase metade dos estudantes de medicina tem algum grau de depressão.

Segunda pesquisa realizada pelo Diretor de Fiscalização e Comunicação do CRM-PB Bruno Leandro de Souza, 65% dos médicos da Paraíba sofrem de Bournout (que é um tipo de esgotamento mental) 17% afirmaram ter depressão, e todos responderam que não procuraram nenhum tipo de ajuda profissional ou técnicas e recursos para melhoria na sua saúde mental. Dr. Leandro realizou a pesquisa em 2021 com o título: Qualidade de vida e Bournout entre os médicos. 3 médicos ouvidos no estudo em 2019 atentaram contra sua vida.

Outro dado que chama atenção é, quando a pesquisa foi realizada em 2019, antes da Pandemia, a categoria médica mais afetada com o esgotamento físico e mental era de médicos de saúde da família, em comparação com os dados de 2021 durante a pandemia, os médicos mais afetados com Bournout era intensivistas e emergencista.

As causas apontadas por diversos estudos e pesquisas apontam para: exposição diária a situações de estresse, vivência direta com a morte e condições de trabalho precárias como alguns gatilhos para o ato. A competição e a ambição no campo profissional finalizam as características que transformam a profissão em arriscada para o suicídio.

Com esses dados e números alarmantes a nossa reportagem conversou com Coordenadores dos cursos de medicina da UFPB em João Pessoa e da Faculdade Santa Maria (FSM) em Cajazeiras.

Segundo o Dr. Estácio Amaro que coordena o curso na capital, A UFPB tem 3 opções de apoio para os estudantes que necessitem de amparo psicológico e/ou psiquiátrico. Dr. Estácio que é psiquiatra afirmou que acompanha pessoalmente os alunos que o procuram com problemas e questões psicológicas. A UFPB dispõe de Clínica escola do curso de psicologia com atendimento de urgência para os alunos, O Centro de Referência de assistência social além do Comitê de inclusão e acessibilidade – CIA e o ambulatório de psiquiatria do HU.

Em Cajazeiras, o coordenador Caio Visalli destacou que a faculdade tem o NAP núcleo de apoio Psicopedagógico que segundo ele traria a primeira avaliação de questões da saúde mental dos estudantes e a clínica escola do curso de psicologia da instituição. Dr. Caio avaliou que a FSM mantém diálogo constante entre coordenação, professores e

LEIA MAIS AQUI

A busca por apoio psicológico também é altamente recomendada. Os estudantes de medicina devem estar cientes de que não estão sozinhos em suas dificuldades e que existem profissionais capacitados para ajudá-los. A terapia individual ou em grupo pode ser extremamente benéfica, oferecendo um espaço seguro para expressar emoções, compartilhar desafios e receber orientações. As instituições de ensino também devem disponibilizar serviços de suporte psicológico aos estudantes, com profissionais especializados em lidar com as questões específicas enfrentadas nessa jornada.

Além disso, a promoção de uma cultura de apoio e empatia entre os estudantes de medicina é fundamental. Estabelecer espaços de diálogo aberto e encorajar a troca de experiências pode ajudar a reduzir o estigma em relação às questões de saúde mental e fortalecer o suporte mútuo.

Os médicos e estudantes de medicina devem estar atentos aos sinais de alerta, como alterações de humor, dificuldades de concentração, problemas de sono ou isolamento social, buscando ajuda profissional sempre que necessário.

Mais Lidas

Destaques

PELO SIM, PELO NÃO

DESTAQUES: Faltam 11 capítulos para terminar a novela Romero; Daniella Ribeiro pode ocupar uma vaga no TCE; e Galdino faz discurso em prol de sua candidatura ao governo do Estado 22 de julho de 2024 DESTAQUES: Faltam 11 capítulos para terminar a novela Romero; Daniella Ribeiro pode ocupar uma vaga no TCE; e Galdino faz discurso em prol de sua candidatura ao governo do Estado Adriano Galdino é um dos nomes para disputar o Governo do Estado com o apoio de João Azevêdo – Por Gutemberg Cardoso 20 de julho de 2024 Adriano Galdino é um dos nomes para disputar o Governo do Estado com o apoio de João Azevêdo - Por Gutemberg Cardoso DESTAQUES: Romero recebe proposta dos Cunha Lima; Nilvan Ferreira ganha apoio de João Gonçalves; e Kassab, do PSD, quer Eva Gouveia como candidata a prefeita 19 de julho de 2024 DESTAQUES: Romero recebe proposta dos Cunha Lima; Nilvan Ferreira ganha apoio de João Gonçalves; e Kassab, do PSD, quer Eva Gouveia como candidata a prefeita DESTAQUES: Duas datas importantes para o futuro de Romero; Instituto crava que na PB só terá 2º turno em JP; e Efraim denuncia prefeito de Santa Luzia por demolir monumento  18 de julho de 2024 DESTAQUES: Duas datas importantes para o futuro de Romero; Instituto crava que na PB só terá 2º turno em JP; e Efraim denuncia prefeito de Santa Luzia por demolir monumento  DESTAQUES: Direção de um partido destituiu o diretório de um candidato líder nas pesquisas; Pedrito anuncia apoio a Nilvan; e Lula pode pedir a Veneziano para apoiar Cartaxo 17 de julho de 2024 DESTAQUES: Direção de um partido destituiu o diretório de um candidato líder nas pesquisas; Pedrito anuncia apoio a Nilvan; e Lula pode pedir a Veneziano para apoiar Cartaxo

Está no Hype

Go to Top