DE LADOS OPOSTOS: Divergência política causa “racha” em família de tradicionais políticos paraibanos; entenda

As eleições deste ano vem movimentando os bastidores da política paraibana e causando divergências na família de tradicionais políticos do Estado, que não chegaram a um acordo e decidiram apoiar pré-candidatos diferentes, é o caso de Felipe Leitão e o pai Mikia e Romero Rodrigues e seu irmão, Moacir Rodrigues.

Mikika tentou convencer o filho a votar em Veneziano para governador e Ricardo Coutinho para  o Senado, além de tentar levar o filho para o MDB.

Felipe Leitão decidiu não se filiar ao partido, alegando que não há motivos para mudar de lado e garantiu ter “um bom relacionamento com o governador”.

“Cada um de nós temos os nossos pensamentos e nossas escolhas partidárias e nós nos respeitamos. Vou continuar na base de João Azevêdo, pois não tenho motivos para sair e vou continuar na luta para reelegermos o governador do Estado”,  garantiu ao rechaçar apoio a Veneziano Vital do Rêgo, pré-candidato de oposição ao Governo da Paraíba nas eleições deste ano durante entrevista ao programa Arapuan Verdade, do Sistema Arapuan de Comunicação.

Já o deputado estadual e irmão do ex-prefeito de Campina Grande, Moacir Rodrigues divergiu do irmão e anunciou apoio ao apresentador Nilvan Ferreira, pré-candidato pelo PL ao Governo da Paraíba nas eleições de 2022.

Romero Rodrigues, pré-candidato a deputado federal, declarou apoio ao nome lançado pelo PSDB, Pedro Cunha Lima.

Ao Arapuan Verdade, Moacir disse que a escolha acontece por afinidade com a pauta econômica definida por Nilvan, que vem defendendo a redução dos impostos

“Essa decisão é natural. O PL terá candidato a presidente; o PL tem candidato a Senador; o PL tem candidato a governador. O PL hoje, ele tem um projeto”, disse.

Em maio,Romero Rodrigues disse em entrevista que faria de tudo para convencer seu irmão a votar em Pedro Cunha Lima para governador nas eleições deste ano.

Mais Lidas

Destaques

PELO SIM, PELO NÃO

DESTAQUES: TRF-5 julgou o caso Cícero Lucena; Bruno Cunha Lima conseguiu vitória na Justiça; e operação ‘’Fundo do Poço’’ mira o antigo PROS, hoje Solidariedade 12 de junho de 2024 DESTAQUES: TRF-5 julgou o caso Cícero Lucena; Bruno Cunha Lima conseguiu vitória na Justiça; e operação ‘’Fundo do Poço’’ mira o antigo PROS, hoje Solidariedade DESTAQUES: Vereadores de JP estão envolvidos na Operação Mandare; Operação livro aberto chegou nos deputados; e Republicanos não deve aceitar “meia secretaria de educação’’ 11 de junho de 2024 DESTAQUES: Vereadores de JP estão envolvidos na Operação Mandare; Operação livro aberto chegou nos deputados; e Republicanos não deve aceitar "meia secretaria de educação’’ DESTAQUES: Quais nomes podem assumir as secretarias do Governo; Cartaxo deve ser o candidato do PT em JP; e Renata Nóbrega pode voltar para Secretaria de Saúde 10 de junho de 2024 DESTAQUES: Quais nomes podem assumir as secretarias do Governo; Cartaxo deve ser o candidato do PT em JP; e Renata Nóbrega pode voltar para Secretaria de Saúde DESTAQUES: Em 2026, a ALPB vai eleger um governador de forma indireta; Nominando vai ser o prefeito de JP por oito dias; e CMJP tem uma oposição definida e um novo líder 7 de junho de 2024 DESTAQUES: Em 2026, a ALPB vai eleger um governador de forma indireta; Nominando vai ser o prefeito de JP por oito dias; e CMJP tem uma oposição definida e um novo líder DESTAQUES: Quais nomes devem assumir as secretarias do governo; Republicanos vai exigir a vaga de vice de Jhony em CG; e Antônio Roberto revela qual seu destino 6 de junho de 2024 DESTAQUES: Quais nomes devem assumir as secretarias do governo; Republicanos vai exigir a vaga de vice de Jhony em CG; e Antônio Roberto revela qual seu destino

Está no Hype

Go to Top