MANIFESTANTES OU GOLPISTAS?: Conheça os principais líderes na Paraíba e no resto do país que estão na frente dos quartéis pedindo intervenção federal

Arte: Blog do Gutemberg

Após a vitória de Lula no dia 30 de outubro, milhares de brasileiros estão acampados na frente de quartéis por todo o país. Entoando gritos golpistas, os manifestantes clamam por uma intervenção militar e afirmam que Lula não assumirá o comando do país em janeiro.

Os bolsonaristas já deram vários prazos para uma possível tomada do poder pelo exército, fabricando todo tipo de fake news, dentre elas, a prisão do Ministro Alexandre de Moraes, um dos maiores inimigos dos manifestantes.

Nessa matéria nós iremos elencar os principais líderes desse movimento, tanto no âmbito estadual, como também nacional. Nós podemos destacar políticos, influenciadores, militares e empresários que financiam e participam desses protestos. Outros líderes não serão mencionados nessa reportagem, pois tiveram suas contas nas redes sociais derrubadas por atentar contra a democracia

Foto: Redes Sociais

Vereador Carlão: O vereador Carlos Henrique Da Costa Santos, mais conhecido pela alcunha de Carlão Pelo Bem, foi eleito na capital em 2020, filiado ao Patriotas.

Um dos principais defensores de Bolsonaro na Paraíba, o parlamentar fez várias publicações na frente dos quartéis, elogiando os manifestantes e criticando o sistema judiciário, chegando a dizer que nos encontramos em um “caos jurídico”.

Foto: Redes Sociais

Raquel Santana: A paraibana se auto intitula escritora poetisa, bolsonarista e com mais de 10 anos na luta contra o “Esquerdismo”. Raquel foi candidata a Vereadora na capital e a Deputada Federal nas últimas eleições, mas não conseguiu se eleger.

Ela tem 47 mil seguidores no Instagram, onde faz várias publicações mostrando bolsonaristas por todo país, e sua estadia na frente do Grupamento de Engenharia.

Foto: Instagram

Gabriel Barbosa: O jovem é influenciador digital, e vem compartilhando publicações afirmando existir respaldo “jurídico”, para uma “limpa” no Congresso. Ele publicou a informação que criou uma conta reserva, pois a principal, pode ser derrubada a qualquer momento.

Foto: Redes Sociais

Lucas Lima: O estudante de gestão pública na UFPB, é Coordenador da Direita Universitária e da Juventude da Aliança Conservadora da Paraíba. Lucas foi envolto em uma polêmica no feriado de 7 de setembro, onde ele teria sido agredido com um tapa no rosto, pelo Deputado Wallber Virgolino.

 

Foto: Instagram

Bismark Fabio Fugazza: Um dos integrantes do canal Hipócritas, que tem um viés de “humor conservador”, Bismark e seus companheiros tiveram o instagram e o twitter da página derrubados por determinação da justiça.

O canal do youtube tem mais de um milhão de seguidores e é uma das principais vozes do bolsonarismo na internet.

Foto: Twitter

Ana Priscila Azevêdo: A influenciadora está envolta em uma grande polêmica ao ser acusada por outros bolsonaristas, de ser uma “esquerdista infiltrada” nas manifestações. O blogueiro Oswaldo Eustáquio fez uma denúncia sobre um suposto desvio de 1,9 milhão de reais dos acampamentos bolsonaristas, que teriam sido feitos por Ana Priscila que nega as acusações e que continua pedindo pix para seus seguidores.

Um relatório realizado pelo jornalista Fausto Macedo do Estadão, feito com ajuda das Polícias Civil, Militar e Federal trouxe mais novos líderes e financiadores nos principais estados bolsonaristas. Iremos destacar os principais nomes e suas profissões.

Acre: Dois fazendeiros locais, Jorge José de Moura, o “rei da soja”, e Henrique Luis Cardoso Neto.

Ceará: Empresário Eládio Pinheiro Canto, o policial penal Abrahao Vinicius Batista Possidonio, o sargento do PM Anderson Alves Pontes Garcias e as empresas Lucky Aviamentos e Viva Agrícola.

Espírito Santo: Em Guarapari, uma das lideranças seria Ticiani Rossi, candidata a deputada estadual na última eleição.

Também foram apontados como possíveis líderes o caminhoneiro Thiago Queiroz Rodriguez, o candidato a governador Cláudio Paiva (PRTB) e o instrutor de tiro Flávio Silva Polonini.

Goiás: em Goianésia, caminhoneiros e moradores, ligados ao agronegócio, são apontados como lideranças; em particular, o advogado e candidato a vereador em 2020 Jamil El Hosni (PL), e o presidente da Comissão Provisória Municipal do PL, Rafael Luiz Ottoni Peixoto.

Rio Grande do Sul: O policial militar aposentado Vilmar Luis Vicinieski, o coordenador do movimento Direita RS Ezequiel Vargas, o deputado federal eleito Tenente Coronel Zucco (Republicanos) e a agente penitenciária Mariana Lescano foram apontados como organizadores e incentivadores dos atos golpistas.

Minas Gerais: Cristiano Rodrigues dos Reis, um dos líderes do Movimento Direita BH, e Esdras Jonatas dos Santos, comerciante, foram citados como organizadores de manifestações em Minas Gerais.

 

 

 

Mais Lidas

Destaques

PELO SIM, PELO NÃO

Se Lula pedir a vaga de vice de Cícero para o PT, João Azevêdo e o PSB cederiam?: Por Gutemberg Cardoso 23 de maio de 2024 Se Lula pedir a vaga de vice de Cícero para o PT, João Azevêdo e o PSB cederiam?: Por Gutemberg Cardoso DESTAQUES: Se Romero desistir para onde irão os eleitores que são contra Bruno?; Em Bayeux, vice de Taciana pode ser Kita; e Secretário deve ir à ALPB 22 de maio de 2024 DESTAQUES: Se Romero desistir para onde irão os eleitores que são contra Bruno?; Em Bayeux, vice de Taciana pode ser Kita; e Secretário deve ir à ALPB DESTAQUES: PT quer Cartaxo prefeito e Cida vice; Tovar nega candidatura de Romero em junho; e Edinho Silva vai substituir Gleisi Hoffmann 21 de maio de 2024 DESTAQUES: PT quer Cartaxo prefeito e Cida vice; Tovar nega candidatura de Romero em junho; e Edinho Silva vai substituir Gleisi Hoffmann DESTAQUES: Camilo Santana esteve na Paraíba e ninguém soube; Cássio pode ser candidato em CG?; e nomes dos vices estão em alta em Bayeux 20 de maio de 2024 DESTAQUES: Camilo Santana esteve na Paraíba e ninguém soube; Cássio pode ser candidato em CG?; e nomes dos vices estão em alta em Bayeux DESTAQUES: Rusga entre Assembleia e o Governo do Estado; PT tem decisão importante na segunda-feira; e Inácio cansou de esperar por Romero em CG 17 de maio de 2024 DESTAQUES: Rusga entre Assembleia e o Governo do Estado; PT tem decisão importante na segunda-feira; e Inácio cansou de esperar por Romero em CG

Está no Hype

Go to Top