OPERAÇÃO CALVÁRIO: PRE-PB dá parecer pela incompetência da Justiça Eleitoral em julgamento de processo de organização criminosa

A Procuradoria Regional Eleitoral da Paraíba (PRE-PB), órgão do Ministério Público Federal (MPF) que atua junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), protocolizou manifestação, no final da noite desta quarta-feira (16), acerca da análise de competência do Processo nº 0600021-32.2022.6.15.0000, que havia sido enviado pelo Tribunal de Justiça da Paraíba à Corte Eleitoral. O parecer é pela incompetência da Justiça Eleitoral para o processo e julgamento da referida ação penal.

O entendimento da PRE é que não há imputação específica de nenhum dos crimes eleitorais (artigos 289 ao artigo 354-A do Código Eleitoral), tratando a denúncia exclusivamente do crime de organização criminosa (orcrim), que é autônomo, e não se confunde com os demais delitos por ela praticados.

A PRE explica que eventual contexto eleitoral mencionado na ação está inserido apenas no âmbito dos delitos praticados pela orcrim, mas que não são imputados na denúncia, sendo relatados apenas para demonstrar a magnitude do grupo criminoso. Esclarece também que “ainda que fossem considerados os crimes praticados pela organização, que diferem do crime próprio do artigo 2º da Lei 12.850/2013, não se identifica descrição de nenhum fato típico previsto no Código Eleitoral”.

“É importante ressaltar que, pelos elementos constantes na denúncia, verifica-se que a atuação do grupo criminoso se estendeu por mais de uma década, não estando vinculado às eleições, mas era voltado ao desvio de recursos públicos, com obtenção de vantagens ilícitas, pela inserção das organizações sociais na área da saúde e fraudes licitatórias na educação”, acrescentou.

 

Mais Lidas

Destaques

PELO SIM, PELO NÃO

DESTAQUES: TRF-5 julgou o caso Cícero Lucena; Bruno Cunha Lima conseguiu vitória na Justiça; e operação ‘’Fundo do Poço’’ mira o antigo PROS, hoje Solidariedade 12 de junho de 2024 DESTAQUES: TRF-5 julgou o caso Cícero Lucena; Bruno Cunha Lima conseguiu vitória na Justiça; e operação ‘’Fundo do Poço’’ mira o antigo PROS, hoje Solidariedade DESTAQUES: Vereadores de JP estão envolvidos na Operação Mandare; Operação livro aberto chegou nos deputados; e Republicanos não deve aceitar “meia secretaria de educação’’ 11 de junho de 2024 DESTAQUES: Vereadores de JP estão envolvidos na Operação Mandare; Operação livro aberto chegou nos deputados; e Republicanos não deve aceitar "meia secretaria de educação’’ DESTAQUES: Quais nomes podem assumir as secretarias do Governo; Cartaxo deve ser o candidato do PT em JP; e Renata Nóbrega pode voltar para Secretaria de Saúde 10 de junho de 2024 DESTAQUES: Quais nomes podem assumir as secretarias do Governo; Cartaxo deve ser o candidato do PT em JP; e Renata Nóbrega pode voltar para Secretaria de Saúde DESTAQUES: Em 2026, a ALPB vai eleger um governador de forma indireta; Nominando vai ser o prefeito de JP por oito dias; e CMJP tem uma oposição definida e um novo líder 7 de junho de 2024 DESTAQUES: Em 2026, a ALPB vai eleger um governador de forma indireta; Nominando vai ser o prefeito de JP por oito dias; e CMJP tem uma oposição definida e um novo líder DESTAQUES: Quais nomes devem assumir as secretarias do governo; Republicanos vai exigir a vaga de vice de Jhony em CG; e Antônio Roberto revela qual seu destino 6 de junho de 2024 DESTAQUES: Quais nomes devem assumir as secretarias do governo; Republicanos vai exigir a vaga de vice de Jhony em CG; e Antônio Roberto revela qual seu destino

Está no Hype

Go to Top