Volta do DPVAT instiga polarização de aliados de Lula e Bolsonaro na Câmara Municipal de João Pessoa

Os aliados do presidente Lula (PT) e do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) entraram em “confronto”, nesta sexta-feira (17), sobre a volta do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, mais conhecido como DPVAT. Enquanto o vereador Marcos Henriques (PT) defende a medida como uma forma de proteção social, o bolsonarista vereador Coronel Sobreira a enxergava como um retrocesso do ponto de vista econômico.

De acordo com Sobreira, a volta do imposto representa um desmanche das conquistas de Bolsonaro. “Tudo de bom que Bolsonaro fez estão desmanchando, estão desfazendo, então isso é ruim. O que representava o DPVAT? Será que realmente trazia benefícios para as pessoas. Então Bolsonaro entendeu que aquilo era só um prejuízo, mais um imposto que não tinha serventia, então ele anulou, e agora retomaram. Eu entendo que é só mais um imposto para elevar a carga tributária que o povo já tem”, disse o vereador.

Em contrapartida, o petista Marcos Henriques defendeu a mudança como uma conquista social. “A volta do DPVAT tem o objetivo de fazer com que aquelas pessoas acidentadas tenham recursos para se cuidar e isso é um tipo de proteção social para os que precisam. E nesse governo sempre existem políticas de proteção social e você não faz proteção social sem ter arrecadação”, argumentou o vereador.

A discussão também refletiu no cenário da política nacional. Enquanto os aliados de Bolsonaro veem a volta do DPVAT como um retrocesso econômico e um aumento da carga tributária, os apoiadores de Lula enxergam-na como uma ferramenta essencial para garantir a proteção social dos cidadãos em momentos de vulnerabilidade decorrentes de acidentes de trânsito.

Mais Lidas

Destaques

PELO SIM, PELO NÃO

DESTAQUES: Por que Deusdete é lembrado para disputar vários cargos?; PT já fez a coleta da pesquisa em JP; e prefeito Kiko escolheu errado o seu candidato em Caaporã 17 de junho de 2024 DESTAQUES: Por que Deusdete é lembrado para disputar vários cargos?; PT já fez a coleta da pesquisa em JP; e prefeito Kiko escolheu errado o seu candidato em Caaporã DESTAQUES: Por que Roberto de Souza saiu da secretaria de educação?; Jhony está atuando para frente de oposição em CG; e Indicação de Wilson filho visa 2026 14 de junho de 2024 DESTAQUES: Por que Roberto de Souza saiu da secretaria de educação?; Jhony está atuando para frente de oposição em CG; e Indicação de Wilson filho visa 2026 DESTAQUES: Por que a secretária Maria Suely foi demitida; os nomes escolhidos pelo governador foram adiantados pelo Polêmica Paraíba; e quais os motivos para Wilson Filho assumir a Educação 13 de junho de 2024 DESTAQUES: Por que a secretária Maria Suely foi demitida; os nomes escolhidos pelo governador foram adiantados pelo Polêmica Paraíba; e quais os motivos para Wilson Filho assumir a Educação DESTAQUES: TRF-5 julgou o caso Cícero Lucena; Bruno Cunha Lima conseguiu vitória na Justiça; e operação ‘’Fundo do Poço’’ mira o antigo PROS, hoje Solidariedade 12 de junho de 2024 DESTAQUES: TRF-5 julgou o caso Cícero Lucena; Bruno Cunha Lima conseguiu vitória na Justiça; e operação ‘’Fundo do Poço’’ mira o antigo PROS, hoje Solidariedade DESTAQUES: Vereadores de JP estão envolvidos na Operação Mandare; Operação livro aberto chegou nos deputados; e Republicanos não deve aceitar “meia secretaria de educação’’ 11 de junho de 2024 DESTAQUES: Vereadores de JP estão envolvidos na Operação Mandare; Operação livro aberto chegou nos deputados; e Republicanos não deve aceitar "meia secretaria de educação’’

Está no Hype

Go to Top